A Prefeitura de Pedregulho, através da SMS – Secretaria Municipal de Saúde – está elaborando a programação que será divulgada nos próximos dias, para a campanha Outubro Rosa, ação que tem como objetivo ressaltar a necessidade da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de mama, entre as residentes nas cidades e nos distritos pedregulhenses.

O câncer de mama é o segundo tipo mais frequente no mundo entre as mulheres, sendo 22% dos novos casos a cada ano. No Brasil, as taxas de mortalidade por esse tipo de câncer continuam elevadas, especialmente porque a doença ainda é diagnosticada em estágios avançados. Por isso, o autoexame das mamas e a mamografia são essenciais.

No Brasil

No Brasil, o primeiro sinal de envolvimento com o Outubro Rosa aconteceu em outubro de 2002, quando o Obelisco do Ibirapuera, em São Paulo, foi iluminado com a cor.

Em outubro de 2008, o movimento ganhou ainda mais força e várias cidades brasileiras abraçaram o movimento.

A campanha Outubro Rosa começou na década de 1990, nos Estados Unidos, onde os estados faziam ações isoladas referentes ao assunto. Com a posterior aprovação do Congresso Americano, o mês de outubro se tornou o mês nacional de prevenção contra o câncer de mama no país.

Para mobilizar a população americana sobre a importância da ação, as cidades começaram a se enfeitar com laços rosas.

Inicialmente, a ideia foi lançada pela Fundação Susan G. Komen for the Cure e os laços foram dados aos participantes da primeira Corrida pela Cura, realizada em Nova Iorque, em 1990.

Depois disso, o objeto passou a ser distribuído em locais públicos, corridas, desfiles de modas, entre outros eventos.

Embora a doença esteja presente no ano inteiro, o mês de outubro foi escolhido para representar a causa ao redor do mundo.

Durante todo o período, é comum ver espaços e monumentos decorados e/ou iluminados com a cor.

Pedregulho assinou novo convênio de parceria com o Fundo Social de Solidariedade do Estado de SP – FUSSESP – presidido pela primeira-dama e esposa do Governador Geraldo Alckmin, dona Lu Alckmin.

A assinatura foi feita pela primeira-dama de Pedregulho e presidente do Fundo de Solidariedade – FUSSOL –, Talita Polo e pelo prefeito Dirceu Polo Filho – Dirceuzinho -, diretamente com a primeira-dama do Estado, durante evento em Franca, na última quinta-feira (28).

Além de Pedregulho, dona Lu Alckmin firmou parcerias com Rifaina e Jeriquara, além de 53 outras cidades das regiões de Franca, Barretos e Ribeirão Preto.

Nos próximos dias, após acertos finais do convênio, treinamento de pessoal e recebimento do apoio material do FUSSESP, o Fundo de Solidariedade de Pedregulho deverá divulgar a modalidade dos cursos e os períodos de inscrições, que abrangerão, além da cidade, os distritos regionais de Alto Porã, Igaçaba e Vila Primavera-Estreito, segundo a presidente do FUSSOL, Talita Polo. 

A Câmara de Vereadores de Pedregulho aprovou nesta sexta-feira (29) em sessão extraordinária, o PLC – Projeto de Lei Complementar nº 053 que altera a legislação do ISS – Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza, normatizado pela lei nº 1629 de 22 de dezembro de 2003.

Nenhuma alteração modifica alíquotas ou valores atualmente pagos.

Uma das modificações estabelece, de acordo com a legislação federal (Lei Complementar Federal nº 157 de 29 de dezembro de 2016) que o prestador de serviço recolha o imposto sobre serviços na localidade onde o mesmo exerce a atividade. Por exemplo: uma pessoa que tem firma em Franca, ao prestar o serviço em Pedregulho, deve recolher o ISS para a Prefeitura de Pedregulho.

Outro ponto de acréscimo – que permitirá ao município receber parte do “bolo” que será distribuído a todos os municípios brasileiros – trata da tributação no local de prestação de serviços para os setores de administração de cartões, leasing e planos de saúde a partir de 1º de janeiro de 2018. 

 Clique abaixo (anexos) e veja a legislação que estará em vigor a partir de 1º de janeiro de 2018.

 Participaram da sessão extraordinária, além do presidente Gustim Abílio, Leonardo Donizete Bueno – Leonardo Advogado, Eurípes Aparecido Porto – Cidinho Porto, Rafael Henrique de Oliveira Uehara – Rafa do Cipanga, Eurípedes Vaz Rodrigues – Oripim Panfleteiro, Fabrício Ferreira Barbosa – Fabrício do Pesponto, Carlos Henrique Moreno – Ká do Esporte, Welder Douglas da Silva e Raimundo Cleomar Lobão. Ausentes, os vereadores Renato Ribeiro Saade e Wanderley Moreira de Carvalho – Careca.